11 de agosto de 2012

Via Twitter, ministro russo chama Madonna de “prostituta velha”




Na última terça-feira (7), a cantora Madonnadeclarou, durante um show em Moscou, que reza pela liberdade das integrantes do grupo punk Pussy Riot, que podem ser condenadas a três anos de prisão por terem feito uma “oração” contra o político Vladimir Putin, o presidente da Rússia.
Através do Twitter, um ministro russo, Dmitry Rogozin, usou de uma maneira desprovida de qualquer senso de diplomacia para responder ao protesto da pop star: “Com o passar da idade, toda prostituta velha tende a dar lições de moral a todo mundo. Em particular, em suas viagens pelo estrangeiro”, tuitou.
Posteriormente, em meio a uma troca de mensagens, o ministro voltou a escrever para Madonna. “Ou tira sua cruz, ou usa umas calcinhas”, postou.
Grupos como Faith No MoreFranz FerdinandRed Hot Chili Peppers também prestaram apoio ao trio, que está preso desde março deste ano.

Fonte:cifraclub

Nenhum comentário:

Insira aqui o seu email para receber gratuitamente as atualizações do blog!

Google+ Followers

Translate

Visualizações de página!!

Visitantes

free counters